INSPETORIA | Setembro Amarelo – Promovendo o Cuidado e a Atenção

INSPETORIA | Setembro Amarelo – Promovendo o Cuidado e a Atenção

8 de setembro de 2023 Por paulo VER MAIS

INSPETORIA | Inspirando o Futuro: Encontro Inspetorial de Gestão Educacional e Social em Jaboatão dos Guararapes

INSPETORIA | Inspirando o Futuro: Encontro Inspetorial de Gestão Educacional e Social em Jaboatão dos Guararapes

8 de setembro de 2023
De 04 a 06 de setembro de 2023 - Na Colônia Salesiana em Jaboatão dos Guararapes, um evento singular reuniu educadores e líderes com o tema "Protagonismo Juvenil e Transformação Socioeducativa na Formação do Bom Cristão e do Honesto Cidadão", o Encontro Inspetorial de Gestão Educacional e Social trouxe três dias de discussões e aprendizado. Primeiro Dia: Celebrando a Diversidade Juvenil A jornada começou com uma cerimônia de abertura repleta de esperança e entusiasmo. O primeiro dia destacou a riqueza e diversidade dos adolescentes e jovens, reconhecendo que cada um deles possui um potencial único. Palestras inspiradoras guiaram os participantes através das complexidades e desafios enfrentados pela juventude de hoje. Segundo Dia: Educação e Inclusão Social A terça-feira trouxe debates sobre educação e inclusão social. Os participantes se dividiram em grupos educacionais e sociais para explorar tópicos como o analfabetismo digital nas camadas socialmente menos favorecidas, o papel da Rede Salesiana Brasil e Edebê na educação integral, estratégias de captação de recursos e mais. O dia ressaltou a importância de oferecer uma educação de qualidade a todos, independentemente de seu contexto social. Terceiro Dia: Inovação e Planejamento Estratégico O evento chegou ao seu ápice na quarta-feira com uma série de palestras que abordaram inovação educacional e planejamento estratégico. Destaque para o Sistema de Ensino Ari de Sá, que compartilhou sua visão sobre excelência e protagonismo educacional, e para as discussões sobre o Bernoulli Sistema de Ensino, que está desempenhando um papel fundamental na transformação da educação no Brasil. Além disso, o dia explorou os desafios da comunicação nas Obras Sociais da Inspetoria e a importância do planejamento estratégico para o sucesso dessas iniciativas. Compromisso com o Futuro O Encontro Inspetorial de Gestão Educacional e Social não apenas reuniu profissionais dedicados, mas também inspirou um compromisso renovado com o futuro. Cada sessão, discussão e palestra foi uma oportunidade para refletir sobre o papel vital da educação na formação de bons cristãos e honestos cidadãos. À medida que os participantes se despediram com uma sensação de dever cumprido, ficou claro que o trabalho árduo para capacitar a juventude e promover a transformação socioeducativa estava apenas começando. Juntos, podemos fazer a diferença! Por Serviço de Comunicação Inspetorial [gallery columns="2" size="large" ids="62094,62096,62097,62098,62099"]  
VER MAIS

REDE SALESIANA BRASIL | RSB realiza Encontro Nacional e lança Manifesto às Juventudes

REDE SALESIANA BRASIL | RSB realiza Encontro Nacional e lança Manifesto às Juventudes

5 de setembro de 2023
Durante três dias intensos de reflexão, oração, partilhas e propostas, mais de 400 representantes das dez inspetorias da Congregação dos Salesianos de Dom Bosco (SDB) e do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) estiveram reunidos em Aparecida, SP, para o Encontro Nacional da Rede Salesiana Brasil (RSB) Também participam do evento os inspetores e as inspetoras; os diretores-executivos da RSB; os coordenadores Inspetoriais da Ação Social, da Comunicação e das Escolas Salesianas; e os coordenadores da Comissão Nacional da Pastoral Juvenil. Realizado nos dias 28 a 30 de agosto, o evento teve como tema “Onde estão as juventudes? – Vinde e vede – No sacramento da presença, o segredo salesiano de educar e evangelizar” e teve como principal objetivo: “Identificar e interpretar os atuais cenários e apelos juvenis para fortalecer a identidade salesiana”, visando aprofundar a compreensão do carisma salesiano nas presenças e na ação da RSB. Os participantes do encontro seguiram um percurso que iniciou com palestras para aprofundar a compreensão sobre as realidades juvenis nas perspectivas social e política da Igreja Católica e da Pastoral Juvenil Salesiana em âmbito internacional. A reflexão prosseguiu, no segundo dia do evento, com a reflexão sobre o trabalho em Rede, a Pastoral Juvenil Salesiana (PJS) no Brasil e com oficinas sobre alguns temas considerados prementes para as juventudes no país. O terceiro dia foi dedicado às propostas concretas feitas pelas inspetorias e para a aprovação do Manifesto às Juventudes, documento que foi elaborado a partir das contribuições dos participantes ao longo do Encontro.   Primeiro dia: “Onde estão as Juventudes?” O primeiro dia do Encontro Nacional da RSB começou com a Celebração Eucarística, no Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida. A missa foi presidida por dom Nelson Francelino Ferreira, Bispo de Valença, RJ, e ex-presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB, e concelebrada pelos sacerdotes presentes. No Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida, os mais de 400 participantes do Encontro da RSB assistiram à vídeo-mensagem enviada pela Madre-geral das Filhas de Maria Auxiliadora, irmã Chiara Cazzuola, que parabenizou a Rede Salesiana Brasil pela iniciativa. Padre Miguel Ángel Garcia, conselheiro para a Pastoral Juvenil SDB, representando o Reitor-mor, também saudou os participantes. Os inspetores referentes da Pastoral Juvenil Salesiana no Brasil, padre Natale Vitali Forti e irmã Alaíde Deretti, falaram sobre a alegria de realizar um encontro presencial, que permitiu a tantos representantes de escolas, obras sociais, centros universitários, paróquias e comunidades salesianas de todo o Brasil se reunirem para refletir juntos sobre as juventudes. Padre Wagner Ferreira da Silva, presidente da Comunidade Canção Nova – um dos grupos da Família Salesiana no Brasil – também fez sua saudação no evento.   Ainda no período da manhã, o professor doutor Maurício Perondi, da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), conduziu a primeira palestra, com o tema “Para onde vão as juventudes? Tendências e oportunidades”. Na palestra com o tema “Ao seu lado”, dom Nelson Francelino Ferreira, refletiu junto com os participantes do encontro sobre o Plano Pastoral Juvenil da Igreja no Brasil. A Pastoral Juvenil na perspectiva salesiana foi aprofundada pelos dois palestrantes seguintes. Irmã Ivone Goulart Lopes, membro da Equipe Internacional do Âmbito da Pastoral Juvenil das FMA, tratou sobre "As Filhas de Maria Auxiliadora: uma Pastoral Juvenil sinodal para a vida de todos"; enquanto o padre Miguel Ángel García, conselheiro para a Pastoral Juvenil dos Salesianos de Dom Bosco, falou sobre “Uma Pastoral Juvenil que educa para o amor”. No encerramento deste primeiro dia, os participantes tiveram um Momento Cultural, com a apresentação da Clarin Cia. de Dança. Com coreografias marcantes e muito bem executadas, os jovens integrantes da Clarin trataram sobre temas prementes para as juventudes, como o preconceito, o racismo, a violência policial, a violência contra a mulher, a gordofobia, a homofobia e a exploração sexual.   Segundo dia: “Vinde e Vede”   O segundo dia do encontro foi aberto pela presidente da Rede Salesiana Brasil, irmã Teresinha Ambrosim, e pelo vice-presidente da RSB, padre Ricardo Carlos, que abordaram o tema “A significatividade da missão em rede”. Em seguida, foi realizada uma mesa redonda, conduzida pelos coordenadores nacionais da Pastoral Juvenil Salesiana, padre José Ricardo Mole e irmã Nádia Caetano, sobre a importância da ação educativa pastoral para alcançar os resultados esperados como Rede Salesiana Brasil. O debate, que envolveu também quatro convidados apresentando a realidade da PJS em suas localidades, aprofundou a reflexão das temáticas: “Jovens evangelizados e educados segundo o projeto salesiano de promoção integral” e “Comunidades Educativo-Pastorais Salesianas ressignificadas, tendo o Projeto Educativo Pastoral Salesiano (PEPS) como projeto carismático e institucional de referência”. No final da manhã, foram apresentados o Projeto Identità e o Projeto de Educomunicação em Ação Social, como boas práticas do trabalho com as juventudes nas presenças da Rede Salesiana Brasil. No período da tarde, cada participante do encontro pôde escolher duas entre quatro oficinas sobre temas prementes para as juventudes no Brasil. “Identidade de gênero, diversidade e inclusão: uma pauta atual” foi o tema da oficina ministrada pela professora doutora Clarice Souza Pinto, da Universidade Católica Dom Bosco – UCDB. Enfermeira com especialização e vasta atuação na área de saúde pública, Clarice realizou uma oficina dinâmica, participativa e bem-humorada para transmitir conteúdos muito concretos e práticos sobre o tema. O professor doutor Moisés Sbardelotto, que integra o Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião e o Departamento de Comunicação da Faculdade de Comunicação e Artes da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), foi o assessor da oficina sobre “Habitar as redes sociais: rumo a uma presença plena”. O tema “O honesto cidadão: participação social e política pelo bem comum” foi trabalhado por Igor Bastos, coordenador do Movimento Laudato Si' (antigo Movimento Católico Global pelo Clima) para países de língua portuguesa e espanhola. Bastos atuou por seis anos como secretário nacional de Direitos Humanos, Justiça, Paz e Integridade da Criação (DHJPIC) da Juventude Franciscana do Brasil e na Executiva Nacional do SINFRAJUPE (Serviço Inter-Franciscano de Justiça, Paz e Ecologia). Já a temática da ecologia integral foi abordada na oficina “Tudo está interligado: o cuidado com a Casa Comum”, assessorada pela irmã Laura Vicuña Pereira, catequista franciscana de origem indígena Kariri. Irmã Laura trabalha junto ao Conselho Indigenista Missionário (CIMI), tem nomeação pontifícia como representante dos povos indígenas junto ao Conselho Pós-sinodal do Sínodo Amazônico e junto à recém-criada Conferência Eclesial da Amazônia, que continua o caminho sinodal. O segundo dia do Encontro Nacional da RSB sobre Juventudes foi encerrado com a celebração eucarística presidida pelo padre Ricardo Carlos, membro da presidência da RSB, e concelebrada pelos demais padres salesianos presentes.   Terceiro dia: “No sacramento da presença, o segredo salesiano de educar e evangelizar”   O terceiro dia do encontro teve início com a Celebração Eucarística, presidida pelo padre Miguel Ángel Garcia, conselheiro para a Pastoral Juvenil SDB, e concelebrada pelos Salesianos presentes no Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida, em Aparecida, SP. Após a missa, foram realizadas as reuniões por inspetorias, para que pudessem ser levantadas as sugestões e encaminhamentos para a Rede Salesiana Brasil. Essas ressonâncias foram depois apresentadas em plenário e tiveram entre os destaques: organizar um Observatório das Juventudes em âmbito nacional, investir na formação dos educadores salesianos (nas escolas, obras sociais, paróquias etc.) e intensificar a presença salesiana e a escuta ativa nos ambientes em que estão as juventudes. O Encontro da Rede Salesiana Brasil foi finalizado com a leitura e aprovação do Manifesto às Juventudes, um documento elaborado conjuntamente pelos participantes, que enviaram suas reflexões, iluminações e propostas ao longo do evento. O documento apresenta 12 compromissos que incluem, entre outros pontos, a escuta atenta das juventudes, incentivar o protagonismo juvenil, construir pontes e fortalecer a atuação em defesa da vida e da superação das violências impostas aos jovens. A RSB afirma ainda os compromissos de seguir aberta “a todos os tipos de juventudes, compreendendo os contextos de mudança” e de apoiar as presenças salesianas “em seu processo de serem instituições que acolhem o grito de humanização que nasce das juventudes”.   O Manifesto às Juventudes termina afirmando aos jovens: “Estamos aqui por vocês e com vocês. Queremos ajudá-los a descobrir o melhor de si mesmos, a crescer em todas as dimensões de suas vidas e a construir um mundo onde todos possam viver com dignidade e amor. ‘Por vós estudo, por vós trabalho, estando disposto a dar minha vida por vocês até o último suspiro’”. A Rede Salesiana Brasil agradece a dedicação de todas as equipes que trabalharam “como fermento” nos bastidores do Encontro Nacional, bem como a parceria sempre presente da Pluriforme em mais um grande evento dedicado ao fortalecimento da missão salesiana no Brasil.   Fonte Ana Cosenza, com apoio da Equipe de Comunicação da Rede Salesiana Brasil
VER MAIS

ARTIGO | O QUE A BÍBLIA NÃO É

ARTIGO | O QUE A BÍBLIA NÃO É

Comunicação 5 de setembro de 2023
Pe. João Carlos, sdb Na Bíblia, com a assistência do Espírito Santo, encontramos o próprio Deus que se manifestou amoroso e fiel em Jesus Cristo. A Bíblia não é um enfeite. E olha que muita gente lhe dá apenas esse uso: enfeitar a estante de sua casa ou do seu escritório. A Bíblia, podemos dizer, é um lugar de encontro: encontro com Deus, conosco mesmos, com os nossos semelhantes e com o mundo; um encontro onde ficamos sabendo do nosso valor e do nosso futuro de felicidade e realização. A Bíblia não é um amuleto. Tem quem carregue a Bíblia ou a tenha num lugar de destaque como forma de atrair coisas boas, bênçãos. Amuleto é um objeto de superstição como pé de coelho, moeda da sorte, trevo de quatro folhas... A Bíblia, ao contrário, é uma luz para iluminar a nossa vida. Mas a luz não fica acesa se abrirmos a Bíblia. Ela ilumina quando, por meio dela, nos chega a mensagem de Deus nos confortando, nos corrigindo, nos orientando.  A Bíblia não é um livro de história, onde tudo esteja documentado desde o começo do mundo. Nem é um livro de ciências, nos dizendo como são as coisas deste mundo. A Bíblia nos abre ao sentido das coisas e desse mundo, com poemas, com hinos, com histórias edificantes, com ensinamentos preciosos. Diz, por exemplo, que este mundo saiu das mãos criadoras de Deus. Para isso, resume milhões de anos na semana da criação. Não é um livro da ciência, é um livro da fé.  A Bíblia não é um realejo da sorte, aquela caixinha que tocava música com manivela e um passarinho tirava uma carta com uma mensagem para o freguês.  Podemos pensar na Bíblia, sim, como uma carta de Deus ao seu povo e à humanidade, não como uma caixinha de frases que alguém aleatoriamente abre e lê e pensa que foi a resposta de Deus. Precisa ler ou ouvir a carta toda, não apenas uma frase. A Bíblia não é uma lei, um livro cheio de obrigações e mandamentos. Pensando assim, muita gente evita abri-lo e conhecê-lo; imagina que vai tolher sua liberdade. A lei da Bíblia é o amor. Essa é a lei de Deus. O amor de Deus comunica dignidade aos seres humanos. Mandamentos e orientações valem na medida em que expressam o nosso amor a Deus e ao próximo.  No final das contas, a Bíblia é uma pessoa: Jesus de Nazaré, filho de Deus, o prometido das Escrituras, Deus conosco.
VER MAIS

ARACAJU | As ações do Colégio Salesiano para a Segurança na escola

ARACAJU | As ações do Colégio Salesiano para a Segurança na escola

ESCOLA E CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL 5 de setembro de 2023
Segurança na escola: Salesiano Aracaju possui central de monitoramento, catracas com reconhecimento facial e cartões de liberação de saída A instituição de ensino também promove palestras sobre a valorização da vida, o bullying e o cyberbullying O Salesiano Aracaju acompanha as transformações do mundo moderno para formar bons cristãos e honestos cidadãos. A escola possui tecnologia de ponta e recursos humanos para manter alunos, educadores e familiares seguros durante o desenvolvimento das atividades pedagógicas.  O Brasil vivencia um contexto crescente de casos de violência nas escolas. Conforme pesquisa realizada pelo Instituto DataSenado, 90% dos brasileiros temem que seus filhos ou pessoas próximas sofram algum tipo de violência no ambiente escolar. Esses dados foram apresentados em uma audiência pública da Comissão de Educação (CE) do Senado Federal em julho deste ano.  O estudo ouviu 2.068 pessoas por telefone, de todas as regiões, classes sociais e faixas etárias. A pesquisa foi baseada na metodologia do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "A sociedade tem uma sensibilidade muito forte em relação à segurança. Porque a evolução social trouxe consequências e desafios. Diante disso, a comunidade educativa precisa acompanhar todos os passos dessas mudanças. Então, o Salesiano Aracaju abraçou a esfera da segurança com reforços tecnológicos e humanos", explicou o diretor do Colégio Salesiano Aracaju, Pe. Arlan Braga.   Recursos e procedimentos Para fortalecer cada vez mais a segurança da Comunidade Educativa, a escola possui uma central de monitoramento com 129 câmeras de segurança. O controle da entrada e saída das pessoas é realizado através de catracas de segurança com reconhecimento facial e cartões de liberação de saída. Além disso, a instituição de ensino conta com 14 colaboradores que atuam nas áreas de vigilância, portaria e inspetoria de alunos.  Com o objetivo de disseminar os procedimentos de segurança na comunidade escolar salesiana, a escola produziu um vídeo sobre a temática e divulgou por meio das redes sociais, Clip Escola e encontros no auditório. Palestras e conscientização Um ambiente escolar seguro, saudável e livre do medo deve promover ações de valorização da vida e de conscientização tanto sobre o bullying quanto o Cyberbullying. Por isso, o Núcleo de Acompanhamento Neuropsicopedagógico Escolar (Nanpe) realiza palestras, atividades e dinâmicas com o objetivo de manter um convívio escolar fraterno entre todos.  "Nós realizamos ações de escuta ativa, desenvolvemos projetos de combate ao Bullying e ao cyberbullying com o auxílio da nossa cartilha. Tudo isso promove um ambiente agradável, construtivo e acolhedor para nossos alunos", informou a neuropsicopedagoga e coordenadora do Nanpe, Clécia Souza. Legislação O Projeto de Lei n° 2256, de 2019, determina diretrizes para garantir a segurança física e mental dos membros da comunidade escolar. O texto já foi aprovado no Senado Federal e está na Câmara dos Deputados para votação. Ademais, o projeto faz alterações na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB).  Por Assessoria de Comunicação do Salesiano Aracaju com informações da Agência Senado [gallery columns="1" size="large" ids="62053"]  
VER MAIS

EX-ALUNOS DE DOM BOSCO | Uniões do Brasil se encontram em Congresso Nacional

EX-ALUNOS DE DOM BOSCO | Uniões do Brasil se encontram em Congresso Nacional

5 de setembro de 2023
Aconteceu, de 01 a 03 de setembro de 2023, no CTL (Centro de Treinamento de Líderes), em Salvador-BA, o X CONESB (Congresso Nacional dos Ex-alunos de Dom Bosco), com o tema: "Tecendo vidas: nosso compromisso com as Juventudes, a Santidade e a Alegria". O evento reuniu ex-alunos das mais diversas Uniões Locais, espalhadas pelo Brasil e representou uma experiência muito rica, que trouxe em seu seio, uma forte corrente de amor, de esperança e fortalecimento do movimento dos ex-alunos, que aproveitaram a temática para abordá-la, de maneira muito criativa e ativa, através de variadas dinâmicas, oficinas, místicas e palestras. No sábado à tarde, os congressistas foram levados para um passeio cultural na cidade histórica e terminaram o dia em uma animada confraternização, com comidas típicas e boa música. “Ex-alunos como Domingos Sávio, bordando a humanidade” foi o lema do encontro que foi bordado por muitas mãos e com as linhas das vidas dos ex-alunos, que trazem em seus testemunhos e na ação prática na sociedade a missão de cuidar afetivamente da herança educativa de Dom Bosco. Esta missão também foi renovada com a eleição do novo presidente da Federação Nacional dos Ex-Alunos de Dom Bosco – Daniel Torres, ex-aluno do Liceu Salesiano do Salvador (BA), foi eleito para este compromisso, que inspira animação, carisma, entusiasmo e, principalmente, paixão pela juventude. Daniel disse sim a esta missão e destaca a importância do envolvimento dos ex-alunos do Brasil: “Sinto-me desafiado, porém animado para contribuir ainda mais. Conto com cada um de vocês para fazermos da Federação Nacional, uma instituição de partilha, que forma, que auxilia, que incentiva e que pode transformar a vida de muitas pessoas!”. O presidente eleito estará na diretoria da Federação Nacional pelos próximos 4 anos. Farão parte da diretoria: Daniel Torres (Inspetoria São Luiz Gonzaga - Recife) como presidente, como vice-presidente, Marcos Flávio de Almeida (Inspetoria São João Bosco - Belo Horizonte ), Flávia Lúcia (Inspetoria São Luiz Gonzaga - Recife) como secretária e Luciano Boni (Inspetoria Salesiana Nossa Senhora Auxiliadora - São Paulo) como tesoureiro. Por Taiana Gama e Gustavo Nery
VER MAIS

NOTÍCIAS

RECIFE-Sagrado Coração (PE) | Alunos vivenciam transição do Ensino Fundamental I para o Ensino Fundamental II

A passagem do Ensino Fundamental I – Anos Iniciais para o Fundamental II – Anos Finais representa um momento de grandes mudanças para as crianças. Na manhã do dia 29 de novembro, não foi diferente para os 5º anos, pois vivenciaram esse momento de transição, que é um marco em suas vidas. Momentos antes do […]
VER MAIS

RECIFE-Sagrado Coração (PE) | Premiação Edifyplay Awards

Na manhã desta quarta-feira (29), ocorreu a premiação Edifyplay Awards, uma gratificação destinada à escola mais participativa e engajada no aplicativo da Edify. Unindo tecnologia e educação, a Edify presenteou os alunos com maior engajamento nas atividades do aplicativo, tornando o aprendizado ainda mais interativo, atrativo e, claro, incentivando-os a se tornarem mais ativos no […]
VER MAIS

PARNAMIRIM (RN) | Solenidade de formatura marca encerramento do PROERD 2023

O Programa Educacional de Resistência às Drogas – PROERD – realizou nesta quarta-feira, dia 22, a solenidade de formatura dos alunos participantes na iniciativa este ano. Foram beneficiados com a formação os educandos do 5º ano. O PROERD é um programa de caráter social e preventivo que consiste em uma ação conjunta entre Polícia Militar, […]
VER MAIS

TEMAS

INSTAGRAM

YOUTUBE